4 de set de 2014

10 Motivos para Brincar!

4 de set de 2014

Que brincar é bom demais e as crianças nem precisam de motivos para isso é fato, mas quando uma atividade além de prazerosa trás benefícios fica melhor ainda, já falei aqui no jardim sobre a importância do brincar (clique aqui para ler) e hoje trago mais dez motivos para brincar e se divertir muito. Confiram:





1-Brincando a criança explora o mundo à sua volta estimulando seus sentidos, experimentando e descobrindo;


2- Brincando a criança viaja no mundo imaginário da fantasia, realizando ações e desejos que de outra forma não seria possível;

3- Brincando a criança pode errar e aprender com seus erros, discernindo o que é certo e errado;


4- Brincando a criança descobre coisas interessantes permitindo que esse conhecimento se torne significativo;

5- Brincando a criança aprende regras e com elas seus limites e possibilidades;


6- Brincando a criança desempenha papéis sociais, soluciona problemas, porque a atividade é uma ponte para a realidade;

7- Brincando a criança aprende a competir e cooperar e que, quando perde, o mundo não se acaba;


8- Brincando a criança aprende a se relacionar e desenvolvem diferentes linguagens como formas de comunicação e expressão;

9- Brincando a criança constrói seu conhecimento e se torna autônoma.


10- Brincando a criança se diverte e, principalmente, aprende a ser mais humana.

"Nós não paramos de brincar porque envelhecemos, 
mas envelhecemos porque paramos de brincar"
Oliver Wendell Holmes


2 Comentários:

  1. Olá boa noite, eu adorooo brincar com minhas crianças.
    Bjinhos ♥
    http://sarranheira.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  2. Oi Carol, é por isso que casa de quem tem criança nunca está arrumadinha, rsrsrs minha sala e meu quintal é o paraíso dos brinquedos e brincadeiras... beijosss!!!

    ResponderExcluir

Quando você socializa, contribui para enriquecer o texto. Obrigada!
( Respondo seu comentário sempre por aqui ).

 

Diário de Jardineira Todos os Direitos Reservados 2013 Carolina Rodrigues